top of page
Competências e Atribuições
SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA - SEAGRI

Jorge Estephan Amorim Barbary

Secretário de Agricultura

(68) 3325-8027

Minicurrículo

Técnico em Contabilidade. Já atuou como no ramo empresarial por mais de 09 anos. Trabalhou na Delegacia da Receita Federal por dois anos, onde pediu demissão para cuidar de projetos particulares. No período de 2009 a 2012 foi Diretor Administrativo do Hospital da Família de Porto Walter. Em 2013 elegeu-se vereador cumprindo seu mandato até 2016. Entre os anos de 2017 e 2018 foi nomeado como Gerente Geral da SEAPROF (Secretaria de Extensão Agroflorestal e Produção Familiar) no Governo do Acre. Em 2019, foi Secretário de Obras, Secretário de Agricultura e Secretário de Meio Ambiente, com a fusão das pastas. Em meados de 2019 e 2020 foi Secretário de Obras e Meio ambiente na Prefeitura de Porto Walter.

SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA - SEAGRI

Rua Mamede Cameli, Porto Walter - AC, Brasil

Atendimento ao Público: Segunda a sexta-feira, das 7h às 13h30
Fechado aos sábados, domingos e feriados

(68) 3325-8027

Secretaria Municipal de Agricultura 


a) formular e executar as políticas municipais de fomento à agricultura, à produção florestal e à comercialização e abastecimento de produtos hortifrutigranjeiros, agrícolas e florestais;

b) articular, planejar, organizar e coordenar programas e projetos de desenvolvimento sustentado das cadeias produtivas dos setores extrativista, florestal e agropecuário, de forma integrada aos planos de governos federal e estadual, promovendo e executando ações para fomentar, prioritariamente, a agricultura familiar e a produção florestal;

c) fomentar e modernizar o sistema de comercialização e abastecimento do Município, tornando-o mais eficiente e adaptado aos aspectos socioeconômicos, ambientais e culturais da região;

d) prestar Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), viabilizando o processo de solução tecnológica em todas as cadeias produtivas incentivadas;

e) executar as atribuições normativas legais, relativas à inspeção de produtos de origem animal e vegetal, visando à defesa e preservação da saúde pública;

f) realizar assentamentos agroextrativistas e agroflorestais, conforme os critérios e normas dos Planos Federal e Estadual de Reforma Agrária, principalmente seus princípios de sustentabilidade;

g) promover o associativismo e cooperativismo rural, como uma das principais estratégias da organização da produção e de sua qualidade, acesso a mercados, distribuição de renda e inclusão social.

h) articular-se com órgãos federais, estaduais e municipais, bem como organizações não-governamentais e a sociedade civil para execução de ações integradas atinentes a implantação do Plano Nacional de Habitação Rural;

bottom of page